sábado, 13 de fevereiro de 2010

Propostas





















Eu sei muito bem que essas dietas malucas de restrição não servem pra nada. Você emagrece que é uma beleza, pára de fazer, come uma colher de arroz e explode em uma semana.
Comprar roupas quando você está acima do peso é uma droga, se arrumar fica complicado e paquerar quase impossível. Sei que isso é idiota e radical, mas neura é neura, fazer o quê.
A primeira coisa que preciso cortar é o refri: além de engordar, minar o corpo com celulite, ainda tem sal escondido. Essa coisa de sal escondido, gente, é mais complicada que complô pra matar presidente americano, vai por mim. Na dúvida, não coma.
O que tenho feito de errado? Belisco toda hora. A boa troca: mudar isso para pequenas e inteligentes refeições de três em três horas. Será que rola? Rola. Porque senão o que rola sou eu morro abaixo.
Mais frutas, nada de frituras. Diminuir porções.
Andar todo dia, mas tooodo dia mesmo, sem desculpa porque está com preguiça.
Por hora é isso. Durante a semana, conto se cumpri.

4 comentários:

Cecy disse...

leve sempre uma garrafinha de água com você. Foi um hábito super difícil de adquirir e hoje não vivo sem.

Vivien Morgato : disse...

Cecy, sinto uma sede monstro...bebo muiiita agua. Talvez seja a unica coisa certa que continuei a fazer quando parei de comer corretamente....rs

Luciana Farias disse...

Também preciso voltar às minhas caminhadas...

Vivien Morgato : disse...

***Lu, ontem consegui fazer duas voltas no meu trajeto...vou segurar isso e aumentar semana que vem, yes!